sexta-feira, 5 de julho de 2013

Imagine com Harry Styles - Parte 1


- Parte 1




SeuNome P.O.V



Mãe: Tchau, filha!!! - ela disse enquanto retirava o headphone da minha cabeça.
Você: Tchau, mãe... -- disse retomando meu headphone em minha cabeça.
Escutei a porta de casa se fechando e então eu estava finalmente livre, já que Jonah (o menino, óbvio, mas tudo bem...) estava na casa de seu amigo.
Bem... Meu nome é SeuNome, tenho 17 anos, sou brasileira e eu, meu irmão e meus pais nos mudamos para Londres já faz quatro anos.
Por problemas emocionais como tentar me suicidar e me cortar o tempo inteiro vou a psicólogos diferentes todo mês, só que ninguém além de Ally, minha melhor amiga, sabe o meu real motivo de fazer isso... Sabe... Se apaixonar por um pop star não é a melhor coisa do mundo, eu te recomendo não fazer isso...
Para você entender melhor eu vou explicar, meus pais são donos da Modest e tem uma certa BoyBand, One Direction, de cinco meninos PERFEITOS, meu melhor amigo é o Harry, mas o que ele não sabe é que eu realmente o amo. Nós somos melhores amigos desde que eu vim morar aqui com minha família...
Bom... Voltando ao meu mundo, eu estava escutando That Should Be Me do Justin Bieber, eu não sei, mas eu acho que essa música combina com a minha história com o Harry...
Meu celular começou a vibrar em minha cama, fazendo eu perceber que alguém ligava para mim...
Fui ver o número e era Harry.

LIGAÇÃO ON

Eu: Oi, Harry...
Harry: Oi, SeuApelido... Eu preciso falar com você! - desesperado.
Você: Por que você precisa falar comigo?
Harry: Porque você me entende... E eu preciso da sua ajuda...
Você: Ok, o que você fez de novo, para eu poder acalmar a fera da minha mãe?
Harry: Eu preciso falar com você cara a cara.
Você: Aonde?
Harry: No Starbucks perto da sua casa?
Você: Ok.
Harry: Te vejo lá, gata..
Você: (risos) Ok, gato.

LIGAÇÃO OFF



Peguei a primeira roupa que vi no meu closet. Saí correndo do meu quarto, peguei meu iPhone e minhas chaves, tanto quanto a do carro quanto a de casa.
Entrei dentro do meu Range Rover indo em direção ao Satarbucks perto de minha casa.


[...]

Entrei no Satrbucks e vi Harry sentado numa mesa.
Você: Oi, Curly... - disse me sentando em frente a ele.
Harry: Oi, SeuApelido...
Você: O que você fez? - já fui de cara no assunto que me interessava.
Harry: Bom... Eu... - enrolou.
Você: Fala logo...
Harry: Tá... É que...
Xxx: Com licença... - o garçom o interrompeu e olhou para mim - A senhorita sabe o que vai pedir?
Você: Sim, eu quero um milk shake de morango...
Garçom: Ok. Algo mais?
Você: Por enquanto não, obrigada...
Garçom: Com licença...
Ele se retirou e eu voltei a olhar para o Harry.
Você: O que aconteceu, Harry? Eu to curiosa!!!
Ele sorriu.
Harry: Ok, é que... Sei lá... É estranho falar isso...
Você: Para de enrolar, porque se não eu vou sair desse Starbucks e não vou poder te ajudar com o seu problema, e você vai se foder.
Harry: Eta, calma ai, ô estressadinha...
Você: Eu me acalmo se você me contar...
Harry: Ta bem... - ele deu uma pausa e eu ameacei sair da minha cadeira - Eu acho que estou apaixonado.

Meu mundo tinha parado, meu coração já não batia como antes, mas eu não podia demonstrar que o que eu sentia existia. Mesmo querendo me matar mais do que nunca, eu não iria fazer isso. Não daria esse gostinho para ninguém... Nem mesmo para Harry...

Você: Por... Por quem? - perguntei tentando não fazer com que meus olhos ficassem marejados.
Harry: Você não a conhece...
Você: Ora, é só me apresentar, dizer o nome, idade, TUDO!!! Porque ela fez o meu melhor amigo se apaixonar por ela. - disse a palavra melhor amigo como se fosse uma ofensa, eu sabia que lá no fundo ele sabia que eu queria ser algo mais.
Harry: Ok. O nome dela é Bianca, ela tem 16 anos...
Pera, ela é mais nova que ele... Mais nova que eu!
Você: Tem uma foto dela?
Harry: Bom... Só tem no twitter dela...
Você: Qual o user dela no twitter?
Harry: @biagillies (eu inventei, não precisam entrar para conferir)
Você: 'To entrando... - disse entrando no twitter dela e vendo sua foto de perfil. - Nossa... - disse com certa dificuldade o fim da frase - Ela é bem bonita, Harry.
Harry: Eu sei...
Você: E o que você quer que eu faça? Você 'ta apaixonado... Mas o que eu tenho haver com isso? -- fui curta e grossa.
Harry: Nossa, SeuApelido... Você 'ta de TPM?
Você: Se eu estivesse de TPM eu estava debaixo dos meus cobertores, comendo chocolate e fazendo força para não me jogar da janela. Então, não, eu não estou de TPM!
Harry: Não é o que parece... - ele sussurra, mas eu consigo escutar.
Você: Bom... Então você fica aí com a sua opinião e me deixa ir com a minha certeza. - me levantei e deixei dinheiro o suficiente pelo o meu milk shake de morango, que já estava em minhas mãos.

[...]

Não acredito nisso... Mas é claro que ele nunca iria realmente gostar de mim do jeito que eu gosto dele! E eu, idiota do jeito que sou, não acreditei na realidade... A realidade de que Harry é um galinha que fica com todas, mas que não consegue se apaixonar pela melhor amiga que faz de tudo por ela. Eu não posso... Eu não consigo... Eu não aguento... Eu não sou forte o suficiente.
Puta que pariu! Saí da frente carro da merda!!! Meus olhos estavam molhados por conta das lágrimas que tinham em meus olhos, e agora pelo resto da minha face. Eu não conseguia enxergar muito bem, tudo estava turvo. Só senti uma coisa estranha, eu estava ficando de cabeça para baixo? E então meus olhos se fecharam.

[...]

Abri meus olhos e escutei alguém sussurrando:
Xxx: Ela 'ta acordando... - Era o Harry?
Olhei para os lados e me vi conectada a muitos fios, mamãe, papai, Jonah, Ally e Zayn estavam do meu lado direito. Olhei para o outro lado e vi Louis, Niall, Liam e Harry. Ah, Harry... Você está tão bonito... Mas infelizmente eu me lembro do que você me falou e de tudo o que houve no Starbucks.
Mãe: Filha!! - disse com um sorriso estampado na cara - Você está bem?
Balancei a cabeça em forma de "sim".
Jonah: Que bom! Ainda vou ter alguém para encher o saco... -- brincou, o que me fez sorrir de lado.
Pai: (furioso) SeuNome!- olhei para ele - Isso foi mais uma tentativa de suicídio?
Você: Não, pai. Eu não vi aquele carro estúpido!! - respondi não querendo olhar para ele.
Pai: Por que será que eu não acredito? - ele perguntou sínico.
Você: Olha você acredita no que quiser, eu sei que eu estou falando a verdade...
Pai: Olha o jeito que você fala comigo, SeuNome!
Você: Desculpa, pai...
Xxx: Com licença, mas a paciente precisa descansar... - uma enfermeira entrou no quarto e começou a mexer nos fios ao meu lado.
Harry: Com licença, senhora, mas você sabe quando a SeuApelido vai poder sair do hospital?
Enfermeira: Ai, querido... Isso você terá que perguntar ao médico....
Liam: E quando o médico vem aqui?
Enfermeira: Já deve estra vindo... - o médico entrou.
Médico: Boa tarde... Boa tarde, SeuNome!! - ele me cumprimentou especialmente - Aposto que seus familiares ou amigos já devem ter te contado as novas notícias!
Você: Não me contaram nada, doutor...
Médico: Bom... Então eu mesmo te conto... Você sofreu um acidente grave a dois meses atras, e acabou de acordar... Você acabou indo para a U.T.I. e agora está aqui conosco muito bem! Seriamente, pensamos que você não iria resistir, mas não foi o que aconteceu...
Você: Eu... Eu fiquei desacordada por dois meses?
Mãe: Sim, ficou, SeuApelido...
Você: E o que aconteceu nesses últimos meses? - perguntei mais para os meninos do que para minha família.
Liam: Hm... Zayn e Perrie terminaram. - Zayn deu um sorriso aliviador - Graças a sua mãe, já que o namoro era marketing mesmo... E ela queria todos felizes para quando você acordasse... Niall deu um pega numa fã... - comecei a rir.
Você: Não acredito!! - mais risos - Niall, pare de ir pro mal caminho com o Harry e com o Zayn, por favor...
Zayn e Harry: Ei!! -- disse.
Você: Continue, Liam..
Liam: Obrigado, SeuApelido... Continuando, Louis e Eleanor viajaram para Paris!
Você: Hum, que chique, Tommo!! - brincando.
Louis: Eu sei... - entrou na brincadeira.
Liam: Claro que eu não podia esquecer de: - ele parou de falar para dar um ar de suspense - O Harry 'ta namorando firme pela primeira vez na vida! - Zayn, Liam, Harry, Louis, mamãe, papai e Jonah começaram a rir. Eu, Ally e Niall (tirando Ally, ele era o único que sabia por quem eu estava apaixonada) acabamos retirando nossos sorrisos da cara.
Louis: Aconteceu alguma coisa, SeuApelido?
Você: Eu 'to zonza... - desesperada.
Niall e Ally: SeuNome, calma... - tentando acalmar.
Você: Não dá... 'Tá tudo preto...
Médico: Eu preciso que se retirem... - o médico (que ainda estava lá) meio que ordenou - Cíntia -- ele chamou a enfermeira, eu acho -- Fique de olho nela, ela ainda não está muito bem...
Escutei passos ficando mais longe.
Eu só queria morrer... Já não bastava Harry ter me pedido ajuda com a Bianca, depois eu ter sofrido um acidente grave de carro que me levou a ficar em coma, agora ele está namorando sério com essa tal de Bianca...

[...]

Eu não comia, não bebia, não saia do meu quarto, não fazia absolutamente nada... As únicas pessoas que se atreviam a entrar no meu quarto eram Ally, Niall e Jonah... Eu não sabia como reagir, não sabia o que fazer...
Pai: (entrando no quarto) Ok. Já chega... Você vai sair desse quarto!
Você: Me obrigue! -- desafiei.
Pai: Não me provoca, SeuNome!!! Você vai sair desse quarto sim! Fim de papo...
Você: E se eu não quiser sair desse quarto e se eu quiser apodrecer aqui dentro?
Pai: Acontece que isso não vai acontecer, por que você vai viajar...
Você: Eu não quero viajar... E se você me mandar para o Alaska de novo na casa do meu primo, William, eu te prometo que, aí sim, eu me mato!
Pai: Você não vai viajar para o Alaska, muito menos ficar com parentes... Você vai para Califórnia, só para mudar os ares, pensar, ver se relaxa um pouco. E vai ficar lá por oito meses sem reclamar, por que viver assim, do jeito que você está vivendo, não é vida, SeuNome!
Você: Eu vou ficar sozinha?
Pai: Sim!
Você: E você vai me mandar dinheiro? - perguntei na cara dura.
Pai: Vou... - riu pelo nariz.
Você: Então eu vou! - levantando da cama.
Pai: Ótimo, por que seu voo sai hoje as 23:00 e já são 18:48.
Você: Ta brincando?
Pai: Não! Vai logo, por que você tem que arrumar as malas e tudo mais!
Você: 'To indo! -- ele saiu do meu quarto.
Peguei meu celular e liguei para a Ally.

LIGAÇÃO ON

Ally: Alô?
Eu: Oi, Ally!
Ally: Pera, você 'ta me ligando como nos velhos tempos?
Eu: Para de debochar da minha cara, por favor? Eu preicso da sua ajuda, Ally!!
AllyNuss, calma, amiga!! Quer que eu passe na sua casa?
Eu: (irônica) Não, eu quero que você passe no Polo Norte para pedir para o Papai Noel o meu presente de Natal... (normal) É claro que eu quero que você venha na minha casa, Ally!
Ally: (risos) Ok, 'to indo!!!
Eu: Tchau...
Ally: Tchau!!

LIGAÇÃO OFF


Uns quinze minutos depois a Ally chegou na minha casa...
Ally: Oie!! -- ela disse entrando no meu quarto e trancando a porta do mesmo. -- O que aconteceu?
Você: Oi! Eu vou viajar!
Ally: O que? Pra onde?
Você: Pois é, meu pai acha que se eu me mudar vou poder mudar o meu comportamento anti-social, por isso vai me mandar para a Califórnia hoje a noite!
Ally: Hoje a noite?
Você: Pois é! Ele é louco!
Ally: Sabe, SeuApelido... Acho que ele tem razão de te mandar para outro lugar para você poder pensar um pouco na vida...
Você: Pois é... Eu também concordo, mas esse "pensar um pouco na vida" vai ser por oito meses!
Ally: Oito?
Você: É...
Ally: E o que você quer que eu faça, amiga?
Você: Primeiro, me ajude a achar uma roupa totalmente fantástica!
Ally: Moleza! - ela disse abrindo a porta do meu closet.
Você: Segundo, me ajude a arrumar a minha mala...
Ally: Ok. - ela disse de dentro do meu closet.
Você: Terceiro,  preciso que você chame os meninos aqui...
Ally: Ok. - procurando uma roupa.
Ela pegou uma roupa para eu poder vestir, e foi o que eu fiz. Enquanto eu me vestia, ela ligava para os meninos, até todos confirmarem presença. Seria essa a última vez que eu veria Harry?

Gostaram? Espero que sim :))
#Malikisses

Um comentário :